O Sistema Temperado é o sistema de afinação responsável pela divisão do intervalo de uma oitava em doze semitons similares. Um dos primeiros a apontar esta possibilidade foi o matemático Simon Steven (século XVI), que dividiu a oitava em doze partes iguais. Porém esse sistema só foi devidamente fundamentado por Andreas Werkmeister, em 1691. Nessa época, também, começou a utilização dos logaritmos para determinar as notas musicais e o intervalo entre elas.

Mas afinal, como esse sistema funciona?

Segundo a teoria musical, o intervalo de tom se divide em 9 comas (nona parte de um tom). O Sistema Temperado vem para buscar a melhor solução para igualar justamente essas nove pequenas partes que separam ou dividem um tom.

A proposta era igualar os semitons em partes perfeitamente iguais. Ainda, segundo a teoria musical, há uma distância entre um tom e outro: o semitom. O semitom é o menor intervalo entre dois tons que se pode perceber auditivamente.

Já sabemos que a distância de um tom possui 9 comas. Como exemplo de instrumentos temperados ou de som fixo, podem citar-se o próprio piano, o órgão, o harmônio e a harpa.

Para alguns estudiosos, o Sistema Temperado oferece prejuízo à afinação em detrimento da harmonia. Já os sistemas naturais se fundamentam em cálculos acústicos, definindo tanto o número de vibrações para cada nota como suas relações. Sintetizando: enquanto os Sistemas Naturais são mais afinados e mais complexos, o Sistema Temperado é mais prático.

O violão é um instrumento temperado, ou seja, um instrumento ajustado para trabalhar a gama de 12 sons diferentes. Esses sons foram fixados e equilibrados dentro de um padrão aceitável de afinação.

Conhecendo essas características, você deve criar o hábito de memorizar o local e o nome de cada nota de um exercício, estudo ou música. Além disso, desenvolver a memória visual através da prática de leitura de partituras também é de extrema importância.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

You May Also Like